sexta-feira, 21 de julho de 2017

MEMÓRIAS: "EU E A RÁDIO TELEVISÃO PORTUGUESA E JORNALISTAS"


Durante a minha permanência, longa, na Embaixada de Portugal em Banguecoque fui o "Nosso Homem em Banguecoque" como assim me classificou, em uma completa página do Diário de Notícias, o jornalista Ferreira Fernandes, o qual acompanhei em 1992, na Tailândia de quando aqui veio fazer um trabalho. Eram os tempos áureos em que a cada passo jornalistas, realizadores de filmes se interessavam pela história lusa no Reino da Tailândia.

.  
O primeiro trabalho em profundidade foi com a jornalista Judite de Sousa (AQUI), seguidamente outros acompanhamentos fui fazendo, auxiliando outros jornalista e a TDM (Televisão de Macau). 

.

Dezenas de vezes levei personalidades portuguesas ao Ban Portuguet, em Ayuthaya, ex-capital do Reino do Sião, onde nesta aldeia chegaram a viver 3.000 portugueses e lusotailandeses por cerca de 250 anos.

.

Nem sempre foi facilitada a minha tarefa, como assim se pode ler em uma carta, abaixo aposta e assinada pelo embaixador Sebastião de Castello-Branco. 

.

Actualmente já ninguém me procura e os poucos trabalhos que têm sido escritos por jornalistas e tenho lido, são a deturpação da magnifica história de Portugal na Tailândia, o primeiro Reino da Ásia em que Portugal inicia relações diplomáticas em 1511. 

.

Hoje Portugal está virado para a Europa (de onde lhe vêm umas miolas) e de costas para a Ásia esta que foi o Mundo Português, que Portugal ofereceu ao Mundo! 

José Martins