sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

YANNICK DJALÓ A ESTRELA DO FUTEBOL NA TAILÂNDIA

 
Yannick Djaló antes de ser apresentado aos adeptos do Ratchaburi Mitr Phol.
 
Portugal, de facto, não tem sido feliz com a actividade de treinadores de futebol na Tailândia desde 2011 quando o primeiro treinador, Prof. Henrique Calisto foi contratado pelo Muangthong United, onde por 8 meses ter somado êxitos, a intriga interna acabaria por terminar a sua actividade.
.
Seguiu-lhe  o treinador Rui Bento que ao fim de escassos meses e de fraco sucessos na orientação do Bangkok United acabou, amigavelmente, de o deixar. 
.
O ano passado, outro treinador Manuel Cajuda, para retirar da cauda, da tabela classificativa, o Bec Tero Sasana da primeira liga não obtendo sucessos  acabou por ser despedido ao fim de 4 meses. 
.
Apenas temos um técnico português e um dos assistentes do treinador, brasileiro Mano Polking do Bangkok United, Luis Viegas que já leva três campeonatos da primeira liga da Tailãndia no Bangkok United. 
.
De jogadores, que eu tenha tido conhecimento, passaram uns quatro e apenas um, Douglas Freitas, com nacionalidade portuguesa e brasileira(AQUI) foi um famoso goleador. 
.
Porém a fama do bom futebol português não está, de momento, de boa saúde na Tailândia. Esperamos que o famosa estrela, internacional, portuguesa, Yannick Djaló, presentemente contratado pelo clube da primeira liga Ratchaburi Mitr Phol velha salvar a honra (que boa históricamente tem) do futebol português na Tailândia. 

Yannick Djaló, com apenas 10 dias na cidade Ratchaburi a 100 quilómetros aos oeste da capital tailandesa, Banguecoque, foi ontem, sexta-feira, dia 19 de fevereiro, apresentado em grande festa, pelo principio da noite, aos adeptos do clube da cidade com cerca de um 800 mil habitantes.
.
Nós estivemos nessa festa e damos conta dela a seguir com imagens. 


A senhora Boonyng Nitikarnchaná a presidente do clube Ratchanaburi Mitr Phol, uma mulher de armas, rica e famosa, que dirige um clube com sucessos no meio futebolístico da Tailândia.
A senhora Boonyng uma atracção dos jornalistas.... Já, penso, ter ultrapassado a ternura dos quarenta, apresenta a face fresca e bela.


A multidão, adeptos do clube, aguarda que lhes seja apresentado os novos jogadores para a temporada 2016  e entre estes o português Yannick Djaló.


Há 3 dias na Ratchaburi, embora comunicasse com Yannick por mensagens não houve a oportunidade de o conhecer pessoalmente. Na imagem quando caminha pela pista do Estádio Municipal de Ratchaburi, para mais tarde ser apresentado ao público.
Yannick Djaló impressiona pela maneira franca e amigável de conversar com as pessoas que cativa logo à primeira vista. As minhas impressão é que Yannick é um jovem bom rapaz.
Junto ao Yannick há mais 3 jogadores brasileiros e a falar português é que a gente se entende... Depois de um sefie à que vê-lo...
Aqui Yannick relaxa antes de subir ao palco para sua apresentação e veste um dos novos uniformes do Ratchaburi a ser mostrado aos adeptos.
Agora Yannick entra no palco e mostra ao público um dos novos trajes que os atletas do Ratchaburi Mitr Phol irão usar, em divrsas ocasiões.
Pelo seu à vontade dá a impressão estar familiarizado com as andanças da moda...
E lá vai ele bem seguro de si...
E finaliza a apresentação do imaginativo de um dos uniformes dos atletas.
Mas depois, por curiosidade, espreita, por uma larga nesga a exibição dos trajes dos seus colegas. Foram 4 trajes mostrados aos adeptos de estilos diferentes.
Yannick de olhar e sorriso gaiato goza com a exibição de seus colegas....Mal saberia ele que eu estava alí para fixar os seus passaos e olhares...
Aqui, presente, mais uma "pitada" de oportunismo de quaisquer fotógrafo possuem gravar o instantâneo de uma figura pública que em verdade Yannick o é no desporto.
O último "tiro" da minha Nikon ao sorriso do Yannick
O director do Ratchaburi Mitra Phol, Tanawat Nitikarnchaná, filho da presidente Boonyng Nitikarnchaná, apresenta Yannick aos adeptos do Ratchanaburi




Há flores e muito som de palmas vindas da bancada...
A moda dos drones está aí.... dois voam no espaço a registar imagens....
Agora Yannick apresenta-se com a nova roupagem que vai vestir nos jogos...Cabe-lhe o número 23.
E Yannick dá um ar da sua graça e mestre em  movimentar a bola... Uma espectacular cambalhota em que não larga a bola....
E trata a bola por tu....
Uma maravilha que aposto que nem o Cristiano Ronaldo seria capaz de fazer melhor!!!!
Yannick entrou no coração dos adeptos do Ratchaburi...
O público nas bancada delicia-se e impressiona-se com a exibição do Yannick Djaló com muita alegria..

A mesa com a Presidente e os patrocinadores do Clube onde se incluem multinacionais que irão financiar, parte, da actividade desportiva do Ratchaburi Mitr Phol. Advinhamos milhões!!!
Registo um dos patrocinadores uma fábrica de pneus, chinesa, "Linglog Tires", na província de Ratchaburi.
.
À MARGEM: Yannick Djaló revelou-me estar satisfeito pelo tratamento que lhe foi dado pela presidência do seu novo clube, não só pelo dinheiro que aufere (não fui indiscreto perguntar-lhe o montante), assim como o esplêndido apartamento que lhe foi concedido para residir e uma viatura de alta gama para se conduzir. 
.
E por último diz-me: em Portugal os clubes estão "tesos" sem dinheiro e os únicos que podem pagar são os clubes grandes... Informei-o que o futebol na Ásia está de boa saúde e nesta área bem poderia estar o seu futuro não só como jogador como treinador.
José Martins (em Ratchaburi)