terça-feira, 10 de março de 2015

Comemorações dos 500 Anos de Amizade Portugal-Vietname


Da Cochinchina ao Vietname:

testemunhos e olhares através das escritas de viagem

COLÓQUIO INTERNACIONAL | 12 / 13 mar. '15 | Auditório BNP | Entrada livre

cochinchina_hg-3326-a_389Este colóquio internacional, sobre um tema até agora inexplorado, surge no âmbito das Comemorações dos 500 Anos de Amizade Portugal-Vietname e na sequência de diversas atividades a elas associadas.
.
A Cochinchina dos Portugueses em 1515 não é a mesma do século XVII, e também não corresponde ao espaço do protectorado francês do século XIX. Nunca os naturais da terra chamaram Cochinchina ao território onde viviam; apresentavam-se na corte chinesa, nos séculos XVI e XVII, como Dai-Viêt (Povo Ilustre). As vicissitudes das guerras alteraram, ao longo dos séculos, a configuração do espaço político. Em 1802, quando ocorreu a reunificação do território pela dinastia Nguyên surgiu o nome de Viêt Nam (Povo do Sul) para designar o povo e o país.
Roteiros, mapas, crónicas, cartas, narrativas de viagem, imagens (preservadas em aguarelas impressas) irão merecer ao longo do colóquio uma análise aprofundada.
Comissão organizadora do CHAM: Isabel Augusta Tavares Mourão / Rui Manuel Loureiro.
Programa
Quinta-feira, 12 março
10h00 Receção dos participantes
10h20 Sessão de Abertura
Sessão 1 Moderação: Rui Loureiro
10h45 Ana Paula Avelar: Da representação da “Cochinchina” na escrita historiográfica produzida no Portugal de Quinhentos
11h15 Miguel Rodrigues Lourenço: Mutações na perceção do território do Dai-Viêt na cartografia portuguesa (séculos XVI e XVII)
11h45 Debate
Sessão 2 Moderação: Ana Paula Avelar
12h15 Rui Manuel Loureiro: As viagens de Pedro Ordóñez de Cevallos à Cochinchina (1590-1592): verdade ou ficção?
12h45 Debate
Sessão 3 Moderação: Mariagrazia Russo
14h30 Elisabetta Colla: O “Vietname” revisitado nas fontes chinesas da época Ming
15h00 Debate
Feira de Livros
Sessão 4 Moderação: Marília dos Santos Lopes
16h15 Carlo Pellicia: Circulation of ideas about the “Regno della Coccincina”: The codex Jap/Sin 65 in the Archivum Romanum Societatis Iesu
17h00 Elsa Penalva: A Cochinchina no conflito luso-castelhano na Ásia. Epístolas e testemunhos de 1645
17h30 Debate
Sexta-feira, 13 março
Sessão 5 Moderação: Isabel Tavares Mourão
10h00 Nunziatella Alessandrini: Giuliano Baldinotti e a sua viagem ao Tun Kim em 1626.
10h30 Mariagrazia Russo: Giovanni Fillippo de Marini (1608-1682): um olhar pioneiro sobre o mundo indochinês
11h00 Debate
Sessão 6 Moderação: Rogério Puga
11h30 Marília dos Santos Lopes: Notícias da Cochinchina em edições alemãs (séculos XVI-XVIII): da curiosidade ao interesse científico
12h00 Isabel Augusta Tavares Mourão: De Fernão Mendez Pinto a John Barrow: olhares estrangeiros sobre as terras e os antepassados dos Vietnamitas
12h30 Debate
Sessão 7 Moderação: Miguel Rodrigues Lourenço
14h30 Rogério Puga: A “evaporação sonora” do Vietname como “Lugar pós-colonial”: Imagens e Viagens de Benjamin Stora (1995-2002)
15h00 Debate seguido de projeções
17h30 Sessão de Encerramento